terça-feira, abril 19, 2005

O Marquês do Lumiar (ou não...)

Esta contada ninguém acredita, mas enfim, lá vai...

Era fim-de-semana e estava eu a preparar-me para um jantar de anos quando me lembro de ligar à Fifi a confirmar o sítio e a hora.

"É às oito e meia no chinês do Lumiar, não é?"

"É sim!" - confirmou ela.

E lá fui eu, todo cioso da minha fantástica memória para os recados...
Saí (mais tarde do que devia), apanhei o combóio, e depois o metro... A seguir à paragem era só andar mais um bocadinho...
Lembro-me de ter entrado no restaurante e de ter reparado que havia pouca gente conhecida. Só depois de reparar que NÃO ESTAVA LÁ NINGUÉM CONHECIDO é que me dei conta de que não era com o chinês do Lumiar que eu tinha andado na cabeça aquele tempo todo... era o chinês do Marquês!

Conclusão: Acabei por ir ter ao Lumiar e admitir, bastante embaraçado, que realmente me tinha enganado, pois alguns comensais pensavam que aquilo era uma desculpa minha para não jantar, tão inverosímil era a explicação...

2 Comentários:

Às 9:16 da tarde , Blogger Chas. disse...

Fizeste mas foi um desvio pelos bares de strip :P

 
Às 11:05 da tarde , Blogger alphatocopherol disse...

é quase no mesmo sítio!! :P

 

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial