sexta-feira, julho 23, 2004

ABCDário

Hoje no meio de uma conversa soltei uma breve observação: "...também é perto, o f vem logo a seguir ao j...".

quinta-feira, julho 22, 2004

Noite de frio

Ficam a saber que nas noites de frio quando se está de manga curta o braço fica "espigado". Não sei quem terá dito isso..

domingo, julho 18, 2004

cospe(idelas)

Estava eu numa emocionante partida de cospe na Fct quando me saiu mais uma daquelas bonitas frases:

"Vamos agora ao "ronus bound"

Tou todo queimadito...

quinta-feira, julho 15, 2004

Conversas informáticas

Esta eu e o a Stein a ter uma conversa interessante sobre o Emule, esse programa de peer to peer que permite partilhar ficheiros de pessoa para pessoa. Quando estava a compará-lo com o Direct Connect e a tentar explicar as vantagens, uma das frases que me saiu foi "... mesmo com ficheiros incompletos podemos ouvir o video..." quando me apercebi do que estava a pensar para a continuação " ... e ver o audio..." é que me apercebi do que tinha acabado de dizer.

Oiçam bem com atenção o som está na vossa visão.

segunda-feira, julho 12, 2004

Exames Nacionais

Estava eu a almoçar em casa, assistindo ao jornal da tarde na RTP, o assunto eram as notas da 1ª chamada dos exames nacionais. Chegou então a altura do jornalista pedir umas opiniões a alguns alunos, ao que este pergunta:"Correram-te bem as notas?".

domingo, julho 11, 2004

Linha de Sintra

Os comboios da CP continuam em grande. Agora temos também um anúncio do "Dr." Pedro Choy (um tipo que ia ao SIC 10 horas há uns anos atrás fazer uma rúbrica de medicinas alternativas) a fazer publicidade às suas clínicas de Medicina Tradicional Chinesa. Nesse é apresentado uma linha, a que ele chama de "linha de Sintra", mostrando as localidades onde existem as ditas clínicas, tais como Lisboa, Cacém e... Odivelas. Foi bom ficar a saber que posso apanhar o comboio no Algueirão e sair pouco depois em Odivelas...

Quase...

Anda um gajo a levar com análises, para depois ouvir estas coisas:

(jornalista da rtp) - "A ferrari tem 158 pontos, quase o dobro da equipa segunda classificada que tem 79 pontos..."

Pois tá claro...

quinta-feira, julho 08, 2004

micobarda

Ontem passava o ppl pela famosa micoteca do terceiro piso (não, não é uma discoteca para microorganismos, nem uma discoteca onde passem musicas do Mico da Câmara Pereira) quando começámos a discotir a problemática dos vários tipos de micose. è claro que não pude deixar de intervir com mais uma bela frase:

"então e uma micose no estroco?"

é um problema.

quarta-feira, julho 07, 2004

Onde está a escolha múltipla

Foi um dia de total atrofio...deitei-me eram cinco da matina depois de um jantar e serão prolongado com física III e ás nove já andava pela FCT a bombar no exame da dita cuja.
Precisei à tarde de ir à FCT fazer uma cena qualquer e encontro um colega do meu curso que também tinha feito o exame de físicaIII de manhã. Conversa puxa conversa calhou falarmos na escolha múltipla do exame e eu dizia-lhe que sabia já as respostas. Ele todo contente pedia-me para lhe dizer enquanto procurava o enunciado das escolha múltipla. Mas o mais engraçado é que as respostas ás escolhas múltiplas fazem-se directamente na folha de exame que depois se entregam aos prof´s...Andamos para ali a ver o dossier de um lado para o outro mais de 15 minutos e só depois é que alguém se lembra de que não podiamos ter sequer o enunciado dessa parte...Já estamos todos queimaditos da carica senhores...

segunda-feira, julho 05, 2004

Bom jornalismo

A RTP continua-nos a brindar com excelentes repórteres de exterior, mas a TVI nao fica atrás.

Hoje na entrega das condecorações aos jogadores da selecção nacional no palácio de Belém, fez questão de frisar o repórter da RTP1:

"a selecção chegou aqui atrasada pelo motivo de o grosso dos jogadores se ter atrasado." (isto é que chamo um bom motivo)

"o Jorge... Ahnn... Presidente começou a chorar!" (isto é que é confiança)

Também Ana Sofia Vinhas da TVI esteve bem.

" e agora vai recber a medalha Brassard, guarda redes da selecção" (nao tinha reparado, ou se calhar recuámos uns anitos no tempo)

E assim vai o nosso belo jornalismo

domingo, julho 04, 2004

Queijinho bom

Já se sabe que a falta de memória é um problema algo grave que afecta alguns portugueses, sendo ainda pior quando esses portugueses são estudantes em altura de exames. Mas a Ana resolveu esse problema: para a amnésia nada melhor que comer queijo! Hum...

Dúvidas

Estava eu num estudo pseudo profundo para ciência dos polímeros quando alguém pergunta: "Alguém viu a Raquel...?" ao que respondo "Foi tirar dúvidas à professora".
Alguém pergunta então, porque terá ela ido fazer o exame?HUM...

As cartas

Estava a decorrer um animado jogo de cartas quando me ocorreu que num baralho havia "raletes e veis". As coisas que se aprendem!

Strip

Durante uma interessante conversa sobre strip todos ficaram a saber que existe um bar de strip chamado "elefante azul", quem sabe se os clientes saem de la mais lavadinhos.

Um dia nos comboios

Uma das mais eficientes e dinámicas empresas portuguesas é a CP. Quase todos os dias somos brindados com bonitos episódios, que acabam por nos fazer sorrir um pouco por entre um sovaco de um cheiroso (!) habitante da Damaia, um homem postulento a mendigar e brasileiros a sambar dentro de uma carruagem com mais densidade populacional por m2 do que o marquês de Pombal a seguir a um jogo de Portugal.
Um destes dias, quando pensava eu estar a chegar a queluz-massamá para trocar de comboio, como é meu hábito diário, reparei no painel electrónico existente nessa estação a informar os clientes. E não é que a mensagem "Bem vindo à estação de Lisboa-Rossio" surgiu em letras bem grandes e amarelas?? Cheguei a pensar voltar para trás visto já ter passado campolide, o meu destino de sempre...
Outro episódio que me aconteceu foi a meio de uma viagem de regresso da faculdade. Depois de entrar no comboio em Campolide a realidade alterou-se para o também painel electrónico existente dentro das carruagens. As estações (e localidades) mudaram de nome, talvez para para grego ou checo, numa campanha excelente para os adeptos destas duas selecções se sentirem mais em casa. Dei comigo a atravessar Kebuleika, Amavuka, Baklakeiva, Kiu ve Muuku e Meked. Felizmente saí no Alvueikau, não tendo chegado ao destino da linha, Siivika. O mundo dos transportes públicos é, literalmente, um mundo à parte...